Experimentando Coursera

 

Finalmente resolvi conferir a indicação de alguns colegas e me inscrevi em alguns cursos oferecidos pela plataforma Coursera – uma plataforma educacional  que oferece cursos online gratuitos em parceria com universidades de renome internacional. Dois motivos principais me levaram a encarar esse desafio: 1) aprender metodologias e técnicas de ensino a distância eficientes (espero); 2) conhecer um pouco mais sobre assuntos de meu interesse e sobre softwares que ainda não domino.

Para atender ao primeiro objetivo, matriculei-me no curso Introduction to Computational Finance and Financial Econometrics oferecido por Eric Zivot, pesquisador e professor da Universidade de Washington. É sempre bom saber como outro professor ensina um conteúdo que nós mesmos ensinamos. Além disso, nesse curso, já será necessário algum aprendizado sobre o software R, outra atividade a que quero me dicar nesse semestre. Já estamos na terceira semana, de um total de 10, e tenho gostado bastante tanto das aulas quanto das atividades que os alunos precisam realizar.

É exatamente voltado para o aprendizado de R, o segundo curso em que me matriculei: Linguagem R, que se iniciará em 2 meses. Como se não bastasse, meu interesse em aplicações de neurociência à economia também encontrou uma oferta no Coursera: Introdução à Neuroeconomia: Como o cérebro toma decisões; esse mais já perto das férias, começando em 3 meses.

A estrutura dos cursos é baseada em vídeo-aulas, fóruns de discussão e atividades de avaliação semanais, que parecem funcionar bem. As vídeo-aulas, quando assistidas pelo site, permitem recursos como legendas em algumas línguas (raramente em português) e a opção entre acompanhar os slides ou a imagem do professor na tela principal, com a segunda opção numa tela menor ao canto direito.

Umas das coisas que me chamou a atenção logo de cara foi o  código de conduta de estudantes, e que a cada atividade de avaliação que fazemos nos é recordado:

  1. Me comprometo em criar apenas uma conta.
  2. As respostas para meus trabalhos, testes ou provas serão elaboradas por mim mesmo (com exceção daqueles que expressamente permitam trabalho em grupo).
  3. Eu me comprometo a não disponibilizar a ninguém as respostas para meus trabalhos, testes ou provas. Isso inclui minhas respostas ou as respostas fornecidas pelos organizadores do curso.
  4. Afirmo que não participarei de quaisquer outras atividades que irão, de forma desonesta, melhorar meus resultados ou melhorar / prejudicar os resultados dos outros.

Ou seja: “Não Colarás”; tudo que eu gostaria que meus próprios alunos fizessem!!

.

Anúncios

3 Respostas to “Experimentando Coursera”

  1. Cybele Freitas Says:

    Minha professora eh meu raio de luz, mesmo depois de 11 anos! Ja estava interessadissima em Neuroeconomics, pensando em fazer algum trabalho de pesquisa na area, neurologia, psicologia, saude e economia… agora fiquei ainda mais interessada e motivada. Muito obrigada, eu sempre sigo voce e suas publicacoes. Beijos – Cybele Freitas


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: